Medo

Quando eu era criança
Tinha medo do bicho papão
Todos falavam que era feio
Muito mal e bem grandão.
.
Quando jovem na escola
O medo agora era o fortão
Se mostrava para as garotas
Como o mais esperto e bonitão.
.
Quando adulto e no trabalho
O problema agora era a demissão.
Tinha planos para o futuro
Casa, viagens e um belo carrão
.
Fiquei velho e percebi
Que os medos eram bobagem
Aí apareceu um tal de coronavírus
E daí, vencerei, pois tenho coragem.

II Concurso Trovas da Colômbia

TEMA: MENINOS

VETERANOS

1º Lugar
Venerados por demais,
os filhos são, simplesmente,
na visão doce dos pais
“meninos”…eternamente !!!
MARIA NELSI SALES DIAS
Santos  – SP

2º Lugar
Meninos…tão só meninos…
Mas a vida, tecelã,
ao tramar os seus destinos,
tece as vestes do amanhã!
CAROLINA RAMOS
Santos – SP

3º Lugar
Para nos dar proteção
toda mãe tem dons divinos.
Somos, no seu coração,
eternamente meninos.
ANTÔNIO FRANCISCO PEREIRA
Belo Horizonte – MG

4º Lugar
Eduquemos os meninos
salvando esta humanidade,
construindo os seus destinos
na fé, no amor, na verdade!
MYRTHES MAZZA MASIERO
São José dos Campos – SP

5º Lugar
Jesus Cristo disse um dia:
“Vinde a mim os pequeninos,”
exaltou com maestria,
a inocência dos meninos.
CATERINA BALSANO GAIOSKI
Irati – Paraná

MENÇÃO HONROSA    

1º Lugar
A vida é sempre um mistério.
Fica espreitando os meninos…
Um dia vem, fala sério,
e brinca com seus destinos…
GILVAN CARNEIRO DA SILVA
São Gonçalo – RJ

2º Lugar
Ao te ver, os desatinos
adocicam meu juízo:
os olhos são dois meninos
no pomar de um paraíso!
JERSON LIMA DE BRITO
Porto Velho – RO

3º Lugar
Lá de cima. Lá do morro;
ninguém ouve os gritos seus.
Meninos pedem socorro:
somente os escuta, Deus!
NEALDO ZAIDAN
Anchieta – ES

4º Lugar
Meninos não brincam mais
com papagaio e pião
nem bola… nem animais…
é só celular na mão.
CÉLIA TEREZINHA NEVES VIEIRA
Irati – PR

5º Lugar
Montar cavalos em pelo…
cangar cachorros, caprinos…
pelotas feitas com zelo…
onde andam esses meninos?
LUIZ VIEIRA
Irati – PR

MENÇÃO ESPECIAL

1º Lugar
Meninos e suas pipas,
tantos sonhos de criança…
na vida, as casas de ripas,
nos olhos,  baila a esperança.
MÁRCIA JABER
Juiz de Fora – MG


2º Lugar
Meninos!… Bola de meia
no chão batido da vida,
buscam o que Deus semeia:
a bênção tão merecida!
SILVIA ALICE DE CARVALHO SOARES
Angra dos Reis – RJ


3º Lugar
Ainda ontem, meninos,
a soltar pipa e alegria,
hoje somos peregrinos
num mundo sem poesia.
PAULO SERGIO VIANA
Lorena – SP

4º Lugar
Nesses tempos de incerteza,
lamento pelos meninos
que não vislumbram beleza
estampada em seus destinos.
FÁTIMA CORRÊA DANIEL
São Gonçalo – RJ


5º Lugar
Os meninos sem infância,
enfrentam muitos insultos;
vítimas da vil ganância,
explorados por adultos.
LUIZA FILLUS
Irati – PR

NOVOS TROVADORES

1º Lugar
De quando éramos meninos
como é gostoso lembrar,
daqueles sonhos divinos
de ser herói e voar!
FLÁVIO DE AZEVEDO LEVY
Campinas – SP

2º Lugar
Ao dirigir, os meninos,
carrinhos de rolimã,
já desenham seus destinos:
vencer, brilhar no amanhã.
SUELY RIBELLA
Santos – SP

3º Lugar
A vida leva a caminhos,
que até a razão desconhece,
meninos, sejam bonzinhos,
pois isso só engrandece.
HENRIQUE LÜCK
Rio Branco – AC

4º Lugar
Tão rude feito os ferinos,
zombaste do meu amor.
Tão tolo, tal qual meninos!
Se homem, terias pudor!
RACHEL SANTO ANTONIO
São Gonçalo – RJ

5º Lugar
Feitos levados meninos
que nos viram pelo avesso,
badalando vêm os sinos
do destino mais travesso.
WILDMAN DOS SANTOS CESTARI
Caçapava – SP

Fonte:
Maria Luiza Walendowski

 

Após a novela

Após a novela de banho tomado,
Te deitavas no leito fingindo dormir,
Mostrando a nudez desse teu corpo lindo,
E de minuto a minuto chamavas por mim.
.
E eu ocupado na escrivaninha,
Escrevendo versos de amor
Que não eram pra outras, e sim para ti…
Não via a hora de terminar a inspiração,
Para em teus braços eu me comprimir.
.
Pois sentia o perfume de todo o teu corpo,
Fragrância divina que vinha de ti,
Nesses minutos de santos e puros desejos,
Eu não via a hora de te possuir.
.
Após o trabalho por mim terminado,
Eu também fingia que estava a dormir,
Sabendo que estavas loca de desejo…
E eu já no leito, chamavas por mim.
.
E de repente num súbito instante,
Não mais podendo resistir…beijei tua boca,
Acaricie teus seios
E te penetrei tal, o desejo que havia em mim.
.
Beijei o teu sexo molhado,
Sugando o liquido extraído de ti,
A cada carícia no mesmo exercido…
Embora se não quisesses,
Não terias como resistir.
.
Aquela noite foi maravilhosa,
Extraímos todo desejo…
Que em nós existia, acordamos exaustos…
Com o sol na janela avisa